quarta-feira, 16 de abril de 2014

BARBÁRIE: Degolada, mulher tem vagina e tórax dilacerado

CENAS CHOCANTES EM TERESINA: Testemunha viu um homem ensanguentado fugindo

O corpo de uma mulher, ainda não identificada, foi encontrado por populares no início da manhã desta quarta-feira (16/04) próximo à ponte do Mafuá, zona Norte de Teresina.
As cenas no local são de pura barbárie. A vítima teve a vagina retirada e colocada dentro da boca. O tórax foi dilacerado e a garganta degolada. Fios de cabelos foram encontrados em um barranco que dá acesso ao local do crime, alguns metros distante do corpo.
Segundo informações do Tenente Rodrigues, que atendeu a ocorrência, uma moradora da Vila Operária teria visto no final da noite de ontem (15) quando um rapaz saiu ensanguentado do mato e em seguida pilotou uma moto em disparada. No entanto, a vizinha teria dito que não havia estranhado a ação do homem e não quis chamar a polícia, possivelmente por medo.
Ás 6h da manhã, quando um homem foi urinar no barranco próximo a linha do metrô encontrou o corpo da mulher. Populares relataram à polícia que que a vítima seria moradora de rua, mas essa informação ainda não foi confirmada. A Delegacia de Homicídios vai apurar o crime.
SAM_5704.JPG
SAM_5706.JPG
SAM_5707.JPG
Repórter: Kaio Oliveira - Direto do Local
Publicado Por: Apoliana Oliveira

Amor é incompreensão

Como é possível reconhecer um amor sincero e duradouro de uma paixão que logo, logo se esvai.
POR
Diana Corso
Quando se ama, o pior inimigo não é, como dizem por aí, o costume. Ele pode ser traduzido em intimidade, à guisa de elogio. A rotina pode ser deliciosa, porto seguro da alma, lugar onde ancorar a salvo do medo. A mesmice do outro não é chatice, é repouso.
A duração de um amor não esbarra nisso, é a idealização das escolhas que a abala. Somos tolos como insetos em volta da lâmpada. Ficamos trocando de parceiro, renovando a expectativa de algo maior, relançando as apostas num encontro absoluto. Balela. Amar é combater o desencontro a cada dia. Escute Clarice Lispector: “pensava que, somando as compreensões, eu amava. Não sabia que, somando as incompreensões é que se ama verdadeiramente”.
O convívio não destrói o mistério, pelo contrário. Viver uma vida toda ao lado de alguém é resignar-se a não decifrá-lo. Não nos saciaremos um no outro. Ele nunca chegará a nos pertencer definitivamente. Um rio separa os amantes, travessias são possíveis, mas as margens não fundirão.
Gulosos, consideramos que a felicidade seria fazer-se um: queremos mais do que encaixe, o objetivo é zerar a distância, virar uma só laranja. Nesse caso, melhor casar com o espelho ou seguir em busca desse par perfeito, pulando de promessa em promessa, procurando no amor o tesouro escondido da felicidade.
O problema é que Amor e Felicidade sofrem da mesma sina. São inflacionados, acima de tudo incompreendidos e costumam não ser reconhecidos quando estão presentes em nossas vidas. Por natureza, eles são discretos, deixam-se estar, dispostos a um bom papo, uma tacinha de vinho. Mas em geral são ignorados. Depois de um tempo, partem incógnitos. Os que não souberam reconhecê-los sequer têm motivo para lamentar por isso, a ignorância os protege.
Já a Paixão e a Euforia nunca passam despercebidas, causam furor quando chegam. São barulhentas, jogam confetes em si mesmas e somem sem que se saiba quando foi que a Ressaca tomou seu
lugar.
Os amantes ingênuos são mais afeitos ao estilo destas últimas. Como num parque de diversões eterno, ficam em longas filas, na chatice da espera, para viver instantes de vertigem. Prefiro gastar meu prazo tomando um vinho com a Intimidade. Essa, é mais próxima da Felicidade. Acho que nunca terminarei de comemorar a permanência do amor como um presente que recebo a cada dia. Um pacote de presente que nunca abro. O mistério de seu conteúdo faz parte da felicidade de tê-lo em mãos.
Diana Corso é psicanalista em Porto Alegre, RS. E escreve há dois anos para Vida Simples.

IMAGEM DO DIA: tchau, PDT

(Foto: Blog do Diego Emir)
(Foto: Blog do Diego Emir)
Flávio Dino (PCdoB) fecha acordo com Aécio Neves (PSDB), garante palanque ao tucano no Maranhão – em troca da indicação do deputado federal Carlos Brandão (PSDB) como candidato a vice-governador -, dá adeus à possibilidade de apoio do PT e, deixa ainda mais estremecida a relação com o PDT

terça-feira, 15 de abril de 2014

Edinho Lobão conta com aval de Lula


O senador Lobão Filho (PMDB) iniciou a semana como pré-candidato a governador na dianteira como gerador de fatos políticos. Depois de ocupar todos os espaços no cenário da sucessão, ele ontem se reuniu com ninguém menos que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Foi uma conversa longa e descontraída, da qual o senador saiu vivamente entusiasmado, principalmente pela empolgação que causou no líder máximo do PT.
Imagem: Heinrich Aikawa/ Istituto Lula
Edinho Lobão, ministro Lobão e o ex-presidente Lula
O pré-candidato do grupo partidário liderado pela governadora Roseana Sarney (PMDB) continuou tomando a iniciativa e gerando fatos de grande peso político, como se reafirmasse a cada dia que não entrou na corrida ao Palácio dos Leões para ser um mero concorrente. Tem dito e repetido que será candidato para disputar e vencer a eleição.

Na conversa com Lula, Lobão Filho expôs sua posição sobre a disputa, mostrou algumas das suas ideias para desenvolver ainda mais o Maranhão e pediu o apoio do ex-presidente no sentido de consolidar a participação do PT indicando o candidato a vice na chapa por ele encabeçada. Lula reafirmou categoricamente o seu apoio ao projeto e garantiu que o PT do Maranhão estará em sua esmagadora maioria ao seu lado.

Na outra ponta da linha, o comunista Flávio Dino sentiu a chegada forte do peemedebista e tenta fazer de conta que não. Mas os fatos por ele protagonizados desde o dia 6 de abril, quando Lobão Filho entrou na corrida, evidenciam sua preocupação. Deu declarações dizendo que quer mobilizar partidos em torno da sua candidatura, tentou tornar grande um magro encontro com dissidentes do PT e ontem procurou o arcebispo de São Luís, dom José Belisário, para expor seu projeto.

A turbinada que Lobão Filho ganhou com a declaração de apoio de Lula fará com que ele desembarque mais forte em São Luís na semana que vem. (Da Coluna Estado Maior)

Advogado morre após manter relação sexual com travesti


O travesti enviou mensagens para amigos no momento do incidente

10249059_445271722274299_1267292640_n
Um advogado morreu vítima de um infarto na madrugada da última sexta-feira, 11, em Araguaína, enquanto supostamente mantinha relações sexuais com uma travesti. O caso aconteceu próximo a um posto de combustíveis no setor JK.
De acordo com informações apuradas pela REDE TO, Walker de Montemor Quagliarello, de 50 anos, deu entrada, por volta das 3 horas da manhã, no Hospital Regional Público de Araguaína (HRPA) e faleceu pouco tempo depois.
A travesti, que faz programas sexuais no perímetro urbano da BR-153, mandou mensagens para amigos no momento do incidente. O site teve acesso ao conteúdo.
23h56 – “Gente, caramba, um homem aqui apagou depois de go… Tô aki presa num carro e um monte de repórter fora… Q azar”.
00h04 – “Deu um branco aqui. O que pode ter sido? AVC, infarto silencioso, coma pós-droga (álcool, narcóticos, medicamento”.
00h05 – “Ele apagou… Mas de início tava com pulso forte e normotenso… depois de muito tempo, foi ficando com pulso fraco… aí o samu retirou do carro”, finalizou.
O advogado foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu. O corpo foi encaminhado para Palmas, onde acontecerá o sepultamento.
fonte:

Ônibus com 30 passageiros pega fogo na BR 316

Condutor diz não ter sido 1ª vez que um veículo da empresa incendeia

Um ônibus pegou fogo na BR-316, próximo ao município de Caxias, na noite de domingo (13). O veículo ia de Teresina, no Piauí, para a cidade de Parauapebas, no Pará. Mais de 30 pessoas estavam no ônibus. Ninguém saiu ferido.
Imagens feitas de celular mostram que o fogo atingiu todo o ônibus, que ficou totalmente destruído. O veículo saiu de Teresina e começou a incendiar na BR-316, quando já chegava próximo à cidade de Caxias. Mais de 30 pessoas estavam no veículo. Segundo uma das passageiras, foi outro passageiro que percebeu incêndio.
O motorista disse que esta não foi a primeira vez que um ônibus da empresa incendeia durante o percurso de viagem. O Corpo de Bombeiros chegou ao local e apagou apenas metade do incêndio. Eles tiveram que retornar a Caxias para pegar mais água e apagar o restante das chamas.
O Corpo de Bombeiros conseguiu debelar o fogo e apesar do incidente ninguém saiu ferido.
Com informações do G1

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Vasco pedirá anulação de final, exclusão de trio na CBF e denunciará Felipe


Bruno Braz
Do UOL, no Rio de Janeiro



Fotos do jogo disponibilizadas no site oficial do Vasco estão com tarjas pretas Marcelo Sadio/Site oficial do Vasco



O Vasco ainda não digeriu a forma como perdeu o título do Campeonato Carioca para o Flamengo, quando sofreu um gol do volante Márcio Araújo, em impedimento, aos 46 minutos do segundo tempo. Em entrevista coletiva que contou com toda a cúpula do clube, o Cruzmaltino anunciou que pedirá a anulação da partida no TJD, a exclusão do trio de arbitragem junto a CBF e a Fifa, cobrará, na Justiça Comum, uma indenização da Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) e da Comissão de Arbitragem, e denunciará no TJD o goleiro Felipe, do Rubro-Negro, pela declaração de que "ganhar roubado é mais gostoso".
Como poucas vezes foi visto em uma entrevista coletiva em São Januário, praticamente toda a diretoria esteve presente, entre vice-presidentes e diretores, além dos departamentos jurídicos e de marketing.
Na mesa estavam o presidente do clube, Roberto Dinamite, o vice-geral, Antônio Peralta, o diretor-geral, Cristiano Koehler e o advogado Marcelo Macedo, que explicou as ações, deixando clara a suspeita do Vasco sobre a confecção da súmula, que assinalou que o gol foi marcado pelo atacante Nixon.
"Foi um erro gravíssimo e tem o agravante pela prática do erro comprometido na confecção da súmula. É um erro de direito, foi reconhecido pela federação, todos sabiam que o gol era do Márcio Araújo. A súmula, propositalmente, vem dizer que é do Nixon, para tentar transfigurar o erro de direito. Isso é muto grave. Vamos pedir a verificação do dolo utilizado na súmula, nem que tenha de ir à esfera criminal", declarou Marcelo Macedo.
No caso do goleiro Felipe, a medida terá mais um caráter educativo, pois no entender do Vasco, a declaração pode gerar algum tipo de violência.
"Não é louvável para um atleta esportivo dar aquele tipo de declaração, ainda mais naquele momento. Você pode criar uma situação de constrangimento e violência. Essa punição é mais educacional para os atletas repensarem daqui para frente", disse Marcelo.
Se dizendo triste pelo episódio, Roberto Dinamite defendeu o uso da tecnologia no futebol, assim como já é feito em outros esportes, como tênis e futebol americano, por exemplo.
"O uso da tecnologia é fundamental e o Rio de Janeiro tem que acompanhar isso. Vamos ter uma Copa do Mundo. Existe já um equipamento em relação a isso. Acho importante utilizar para situações como essa. Simplesmente jogar que nós, o árbitro e o bandeira temos o direito de errar, é complicado. Ainda mais quando só se erra contra o Vasco", analisou.
Mais cedo, o diretor-executivo Rodrigo Caetano, que admitiu ter pensado em abandonar a carreira, concedeu uma coletiva sozinho e mostrou-se contrariado a quem encara o erro sem uma maior seriedade, utilizando o argumento de que "é só futebol". O dirigente lembrou que há pessoas que vivem em função disso:
"Ao sair do Maracanã, além da frustração da perda do título, teve a frustração pela forma como tudo isso foi tratado. Se, para muitos, o futebol é meramente recreação, para nós, que dependemos disso, é muito sério. Além disso, por trás de todos nós, existem milhões de vascaínos que tiveram seu direito de comemorar retirados por um erro que não é de interpretação, é de regra, e que tem sido frequente com o Vasco".
Por fim, Caetano pediu a profissionalização da arbitragem no Brasil. Em sua opinião, quando isto ocorrer, os erros serão minimizados no futebol:
"O futebol envolve uma série de profissionais e eles (arbitragem) são os únicos que fazem parte do espetáculo e não são. Ainda temos amadores. Cada um desses árbitros e assistentes tem sua profissão. Coincidência do erro ser sempre contra o Vasco eu não acredito, porque é uma sequência de fatos durante todo o Estadual. Trabalho na hipótese de incapacidade destes. O bandeira é o mesmo do gol do Douglas (na Taça Guanabara, contra o Flamengo, mal anulado). Vale um estudo para saber se ele está preparado para um jogo deste tamanho".
De acordo com o advogado do clube Marcelo Macedo, o Vasco deverá entrar com todas as notificações já nesta terça-feira.
Em entrevista ao UOL Esporte, o diretor-geral, Cristiano Koehler, informou que o cálculo do prejuízo do Vasco é de cerca de R$ 20 milhões. Incluso neste total está a perda de um patrocínio, que estava diretamente condicionado a conquista do Campeonato Carioca, de acordo com o dirigente.

O justo reconhecimento de Cleide Coutinho…


cleideNesta segunda-feira (14), a deputada estadual Cleide Coutinho (PSB) retomou as atividades parlamentares na Assembleia Legislativa. Cleide esteve afastada do parlamento, pois estava acompanhando a recuperação do marido, o ex-prefeito de Caxias, Humberto Coutinho.
Humberto Coutinho esteve em tratamento no Hospital Sírio Libanês em São Paulo, combatendo um câncer no intestino. Lá o ex-prefeito foi operado e infelizmente contraiu uma infecção bacteriana, mas recebeu alta e atualmente está em Caxias, o que permitiu a Cleide Coutinho retornar as atividades na Assembleia.
No seu retorno, a deputada fez questão de usar a Tribuna para agradecer o apoio recebido, principalmente de adversários políticos, que lhe foram solidários nos momentos de dificuldades.
“Enxerguei que, nessas horas, as pessoas não pertencem a grupo político nenhum, são seres humanos e somos iguais. E tenho que desta Tribuna agradecer a gentileza, a solidariedade de algumas pessoas. Eu fiquei muito comovida e agradeço aqui de público, as mais de dez ligações solidárias da governadora Roseana Sarney. Naquela hora, ela não era a governadora, eu não era opositora dela, naquela hora ela viu em mim uma mulher, ela viu em Humberto um ser humano, ela viu em Humberto uma pessoa que ela respeita, ela viu em Humberto um ser que merecia toda solidariedade. O presidente José Sarney também me ligou, o próprio Luís Fernando candidato, sabendo que nós apoiamos o Flávio Dino, me ligou várias vezes, disse para mim que também passou por problemas difíceis. Agradecer também o ministro Lobão que quando nós descobrimos o tumor de Humberto, ele conseguiu que o doutor Paulo Rofe abrisse sua agenda para receber Humberto. Então eu não posso deixar de agradecer essas pessoas que de qualquer maneira mostraram esse carinho e esse amor, essa solidariedade”, agradeceu emocionada Cleide Coutinho.
A deputada também ressaltou o apoio e a solidariedade incondicional que também recebeu dos colegas de Oposição, de diversos prefeitos e dos colegas deputados estaduais.
Um justo reconhecimento feito pela deputada Cleide Coutinho e que demonstra que a disputa política jamais deveria ser levada para o lado pessoal, como infelizmente alguns insistem em fazer.

JP também questiona liderança de Flávio Dino


flaviodinonovaO Jornal Pequeno, através do Informe JP da última sexta-feira (11), também questionou a liderança de Flávio Dino diante da Oposição do Maranhão. O JP diz que Dino precisaria ser um “Sarney” para conseguir liderar com pulso os oposicionistas maranhenses.
Esta é a segunda vez, recentemente, que o comunista tem a sua liderança questionada. Como o Blog demonstrou, na semana passada foi o ex-ministro e ex-candidato ao Governo do Maranhão, Edson Vidigal (reveja).
O Informe JP incentiva, mesmo que indiretamente, que Dino não leve em consideração nenhum acordo feito e faça o que tem que ser feito para liderar a Oposição, até mesmo um “murro na mesa”, se necessário. Te cuida PDT, pois ninguém parece disposto a cumprir o acordo celebrado em 2012, afinal está sendo demonstrado claramente que os fins justificam os meios. Ou seja, o mais importante é vencer, não importa como e muito menos a promessa de fazer uma política diferente. Veja abaixo o Informe JP do dia 11 de abril e tire suas conclusões.
O grupo Sarney sempre teve um líder inquestionável. Nos momentos mais difíceis e conturbados, a voz de Sarney sempre chegou para colocar ‘ordem na casa’ e conscientizar a todos sobre a importância da marcha unida por um objetivo único; a vitória. Quando a voz não era suficiente, o ‘murro na mesa’ resolvia. E foi assim que durante quase 50 anos, ouvindo o seu líder maior nas horas decisivas, esse grupo conseguiu conquistar as vitórias que conquistou; questionadas ou não.
É desse líder que a oposição sempre se ressentiu, motivo de muitas desuniões e brigas em momentos decisivos. E é nesse líder que Flávio Dino precisa se transformar agora, para que a oposição vença as eleições de outubro. E não tem momento mais importante para provar isso do que agora, quando alguns oposicionistas que não pensam no Maranhão, mas apenas nos seus interesses pessoais, ameaçam um projeto da maior importância para esse estado.
É hora de Flávio Dino mostrar que é líder. E tem todo respaldo popular para isso; afinal, é o homem que grande parte do povo maranhense está vendo, hoje, como a esperança de dar um fim a esse império que domina o estado há quase 50 anos.
Um murro na mesa e ele acaba com essa briga estúpida pela candidatura a vice-governador. Nada melhor para acabar com esse ‘balaio de gatos’ do que ele, Flávio Dino, escolher quem ele quer para compor a sua chapa.

Morre Dona Maricota mãe do prefeito Soliney Silva


Vítima de Acidente Vascular Cerebral - AVC, morreu na manhã desta segunda (14), por volta de 11:30hs, em Teresina (PI), dona Maria de Sousa e Silva, popularmente conhecida como Dona Maricota(foto).

Dona Maricota, era viúva herdeira da empresa de transportes coletivos Cidade Verde, que circula em Teresina e pertencia ao empresário José Silva, natural de São João do Piauí. Atualmente, a empresa Cidade Verde é administrada pelos filhos do casal José Silva e Dona Maricota, entre eles, o ex-deputado estadual pelo Maranhão e prefeito de Coelho Neto, Soliney Silva (PRTB), cidade localizada na Região dos Cocais maranhenses.  

Neste momento, o corpo de Dona Maricota está sendo velado na funerária Pax União, na Avenida Miguel Rosa -  Centro/Sul, em Teresina e vai até amanhã terça-feira (15).

Neste momento de dor, o blog se solidariza com o prefeito Soliney Silva e toda sua família. 

(Com informações do Portal Gaditas)